PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS

Ginecomastia

O termo ginecomastia, do grego, significa “mama feminina”, e define o aumento do volume mamário masculino. Não é uma ocorrência incomum, podendo ocorrer em 40% a 60% dos homens. Pode afetar apenas uma mama (unilateral), ou as duas (bilateral). É muito frequente entre os adolescentes após o início da puberdade, na maioria dos casos regredindo espontaneamente até o início da vida adulta. Porém, em alguns casos pode persistir no adulto. Nessa fase, o aumento da mama é conseqüente às alterações hormonais próprias da idade, e esse aumento costuma se estabilizar em torno de três anos após seu início. Com o envelhecer, esse aumento também pode ocorrer. Geralmente após os 50 anos, quando começam ocorrer novas alterações hormonais e maior acúmulo de gordura na região mamária masculina. O aumento do volume das mamas nos homens pode ser devido a um aumento da glândula mamária ou por um excesso de gordura localizada. Pode também ser devido à associação destes dois fatores. Essa alteração geralmente traz transtorno à vida social do homem, principalmente aos adolescentes.

Com constrangimento na prática de esportes e exibição do corpo, como tirar a camisa em público, em clubes ou praias, por exemplo. A cirurgia pode ser feita a partir dos 13 anos de idade, dependendo da avaliação individual de cada paciente. A redução da mama, neste tipo de problema, é feita pela remoção de tecido glandular e/ou da gordura, conforme cada caso. Quando há grande excesso de pele, este deve ser ressecado, para um melhor resultado. Se o volume for causado por aumento de glândula apenas, deve ser feita incisão e retirada da glândula. Se for exclusivamente por excesso de gordura, a cirurgia realizada é uma lipoaspiração. No caso de associação de glândula e gordura, as duas técnicas cirúrgicas são associadas. O resultado é muito satisfatório, com melhora da auto-estima e auto-confiança para realização de atividades que antes causavam vergonha e constrangimento.


Cicatriz e resultados finais: Dependendo da técnica empregada, poderemos ter variações quanto às cicatrizes. No caso de retirada de glândula, a cicatriz fica situada em formato de semicírculo, em torno da porção inferior da aréola. Esta cicatriz fica bastante disfarçada pela própria condição de transição de cor entre a aréola e a pele normal. No caso de lipoaspiração, uma pequena cicatriz de 1-2cm é localizada na parte lateral do tórax. A cicatriz passará por várias alterações, irá alterando a cor com o passar do tempo, estando inicialmente avermelhada, adquirindo seu aspecto final após aproximadamente 12 meses.

Algumas áreas próximas às cicatrizes podem apresentar-se dormentes, o que irá melhorar progressivamente. O edema também irá regredir com o passar do tempo, aproximando-se do normal após mais ou menos 3 – 4 meses. O resultado final é obtido após cerca de 1 ano.

Anestesia: Anestesia local com sedação, peridural, ou raramente geral.
Tempo de cirurgia: em média 1 a 2 horas.
Tempos de internação: Geralmente alta no mesmo dia. Podendo variar o período de internação de 12 a 24h.

 

RECOMENDAÇÕES PRÉ-OPERATÓRIAS

1)Serão solicitados exames pré operatórios;
2) Comunicar antes da cirurgia, em caso de gripe, febre ou qualquer outro problema de saúde;
3) Parar de fumar no mínimo 30 dias antes da sua cirurgia;
4) Evitar bebidas alcoólicas ou refeições muito fartas, na véspera da cirurgia. Jejum pré operatório de 8 h, inclusive água;
5) Evitar chá de Picão, Arnica, Ginkgobiloba, Castanha da Índia, Cápsulas de Alho, anti-inflamatórios e qualquer medicamento que contenha AAS (ácido acetilsalicílico) 10 dias antes da cirurgia, pois poderão interferir no processo de coagulação. Evitar todo e qualquer medicamento para emagrecer 10 dias antes do ato cirúrgico. Isto inclui também certos diuréticos;
6) Levar para o hospital a malha cirúrgica, pois esta será colocada imediatamente após o término da cirurgia;
7) No dia da cirurgia tomar banho com sabão antisséptico antes de ir para o hospital, não passar cremes, óleos, perfumes, desodorantes. Retirar qualquer tipo de jóias (anéis, alianças, brincos, pearcings);
8)Pacientes que usam medicação para pressão alta, deverão tomá-los no horário habitual, mesmo em jejum. Em caso de diabetes, a medicação não deverá ser tomada em jejum. Informe-se com o médico;
9)Levar ao hospital todos exames pré operatórios e risco cirúrgico;
10) Compareça acompanhado (a) para a internação.


RECOMENDAÇÕES PÓS-OPERATÓRIAS

1) Permitido andar após a cirurgia. Evitar por 15 dias a elevação dos braços acima da altura dos ombros. Dar preferência a blusas com botões na frente;
2) Atividades físicas mais intensas somente após 2 meses;
3)Dirigir é permitido após cerca de 10-15 dias;
4)Consultas e acompanhamento médico pós operatório é indispensável;
5) Alimente-se saudavelmente e hidrate-se bastante. Dietas nesta fase podem ser prejudiciais. Após o segundo dia, não há restrições alimentares;
6) A primeira troca de curativo é sempre realizada pelo médico. Não molhar e não trocar curativos antes disso;
7) Banho completo será liberado após a primeira troca de curativo. Vertigens e sensação de desmaio no início são comuns. Tome banho com um banco e uma pessoa por perto. Caso sinta-se mal, deite e eleve as pernas;
8) Usar a malha compressiva continuamente, por 1-2 meses. Retirar apenas para o banho;
9) Proteger a cicatriz de exposição solar direta por 6 meses;
10) Poderá ocorrer eliminação de certa quantidade de líquido amarelado ou sanguinolento, por um ou mais pontos de cicatriz, não se preocupe, porque se isto lhe ocorrer não significa complicação;
11)No caso de lipoaspiração a realização de drenagem linfática é muito importante;
12)A retirada dos pontos ocorrerá em torno de 10-15 dias após a cirurgia;
13) Edema e os equimoses pós-cirúrgicos, assim como algum desconforto físico são esperados. Entre duas a três semanas, normalmente o inchaço e os hematomas já terão diminuído a ponto de estarem quase invisíveis.


Resumo

CIRURGIA: CORREÇÃO DE GINECOMASTIA (MAMA MASCULINA)
INDICAÇÃO: EXCESSO DE GLÂNDULA OU GORDURA
NECESSIDADES NO PÓS OP: USO DE CINTA ELÁSTICA POR 1-2 MESES
DURAÇÃO: 1 A 2 HORAS
ANESTESIA: LOCAL COM SEDAÇÃO, PERIDURAL OU GERAL
INTERNAÇÃO: 12 A 24 HORAS
RECUPERAÇÃO COMPLETA: APROXIMADAMENTE 30 – 45 DIAS
RETIRAR PONTOS: 7 A 15 DIAS
OBJETIVO: REDUÇÃO VOLUME MAMÁRIO EM HOMENS
DRENAGEM LINFÁTICA: INDISPENSÁVEL APÓS LIPOASPIRAÇÃO


Vídeo do Procedimento
Agende sua Consulta
Entre em contato conosco, atendemos de Segunda a Sexta, das 8h às 18h.
Copyrights ©2017 - Dra. Samantha Andrade Maia, Cirurgiã Plástica